Os vôos

Quando emiti os e-tickets para BsAs, pelo site da  TAM, selecionei 2 vôos diretos de GIG /Rio para EZE/Buenos Aires e de EZE/Buenos Aires para GIG/Rio. O vôo de ida  teria somente uma escala em GRU. O de volta seria direto de Buenos Aires para o Rio, sem escala, beleza.

O vôo de ida – uma gincana

O vôo JJ 8018 deveria sair do Galeão, parar em GRU para uma escala de mais ou menos meia hora, onde entrariam os passageiros de Sampa,  pelo finger claro,  e seguiríamos viagem até o destino final, como no ano passado. 

Dessa vez, nananina. Aterrissando em Guarulhos, o avião parou no meio da pista e fomos chamados para desembarcar com nossa bagagem de mão. Como assim? Para que usar finger? Imagina ! Descemos a escada  no meio da pista mesmo, embarcamos no ônibus, e para ficar um pouco mais desconfortável, entramos  no aeroporto de novo, onde os funcionários TAM nos apontavam uma escadaria para subir. Elevador ? Imagina. Só que, uma vez lá em cima vimos os mesmos funcionários entrarem no bendito elevador que existia sim ! subirem sem nenhum esforço até o andar onde galgamos a  escadaria. Quanta gentileza… Embora já tivéssemos passado pelo RaiosX no Galeão entramos de novo na fila para passar no Raios X ( por que de novo ??), só tinha um, portanto foi demorado.

Acabou? Entramos no finger ? Nananina. Descemos outra escadaria e embarcamos, de novo, em outro ônibus até o meio da pista para termos o conforto de novo, de subir a escada até o avião.  Enfim, só aí acabou a gincana. Nota zero para a TAM.

 A viagem de volta pela TAM  Mercosul –

Só na hora de marcar os assentos, descobri que a volta seria pela TAM Mercosul, o prefixo é PZ  ao invés de JJ. Com a imposssibilidade de marcar os assentos quando emiti os bilhetes e nas inúmeras tentativas seguintes por telefone, sempre tendo como argumento que haveria troca de aparelho e não dispunham de mapa de assentos(??),   uma indagação rondava a cabecinha, será que vai ser uma roubada ? Há a possibilidade de cancelarem o vôo e nos passarem para um vôo com n escalas ? No dia do embarque, depois do check in, ainda tentei marcar os assentos, mas após consulta no terminal, o mantra era o mesmo, não temos o mapa de assentos porque haverá troca de aparelho.

Pois bem, nada disso aconteceu. No check in finalmente marcamos os assentos. O vôo PZ TAM Mercosul saiu no horário. Embarcamos civilizadamente pelo finger e fomos recebidos pela tripulação possivelmente argentina que foi gentil como a brasileira. Um pouco depois da decolagem, começaram a servir uma refeição, eu disse refeição como há muito não víamos em vôos de cias. nacionais. Êba, nem sanduiche, nem barra de cereal. Com o maior prazer fotografei  😉

dscn5086

Escolhi massa que veio com camarões, saladinha e mousse de café, bem gostosa por sinal, e vinho. Fecharam servindo um café. Todo mundo feliz 😆   Ficou confirmado o que o Rodrigo, do  blog Aquela Passagem tinha me antecipado,  o serviço de bordo da PZ é  muito melhor 😉

O vôo sem turbulência manteve a viagem do jeito que todo mundo gosta, tranquila.

Chegando ao Rio dava pra ver longe o Dedo de Deus.

dscn4848

As ilhas Cagarras.

dscn4850

 

Em 2 horas, chegamos como previsto ao Galeão, e  pra finalizar, a aterrissagem foi tão suave que o comandante recebeu uma salva de palmas dos passageiros, em agradecimento. Nota 10 ! Só falta mais espaço entre as poltronas 😉

Advertisements

A novidade

A Kathia deixou gentilmente 2  dicas preciosas nesse comentário do post sobre os cafés em Buenos Aires:

Hola,
Eu  moro em Buenos Aires na calle Posadas esquina com Ayacucho e lendo seu post sobre o La Rambla, que fica na esquina da minha casa, não posso deixar de mencionar algo que acho q vc não conhecia e creio q poucos conhecem desse café.
Eles tem o melhor sanduíche de lomo da cidade. Eu gosto do que tem só tomate mas existem outras dicas imperdíveis e saborosas.
Na próxima, esqueça o café e vá de sanduíche de lomo.
Ah, e sobre cafés e afins eu sugiro uma rede que se chama NUCHA que também é pouco conhecida dos turistas.
Que disfruten !!

Na véspera de voltarmos demos um pulo até o Pattio Bullrich e sentamos no Freddo no 2o.  piso que é  atendido por um ótimo garçon que se desdobra para atender sozinho umas vinte mesas e  vive cheio. Bem, quando olho  em frente para esses anúncios que rolam em painéis, eis que vejo como novidade no local, a Nucha. Imediatamente lembrei da dica da Kathia, levantei e descobri que era no mesmo piso, no fundo,  e lá fomos nós testar a Nucha.

dscn5059

A decoração moderna, sentamos e olhando em volta, portenhos tomando café ou chá. Perguntei sobre o chá que tinha sido servido ao lado, e a  mocinha nos disse que são servidos sanduichinhos, frios e quentes, prato de docinhos e torta, tudo em quantidade para 2 pessoas, 49 pesos=31 reais, já  incluindo mais uma infusão, ou chícara de chocolate.

E ela foi trazendo as gostosuras…

dscn5062

 2 sanduichinhos frios, sanduiches  quentes de queijo e presunto em pão de miga, 2 salgadinhos quentes com um recheio que não descobri o que era, mas gostoso com milho. Tostadas, geléia, suco de laranja.

Docinhos e torta que você escolhe.

dscn5065

No final você ainda escolhe uma fatia entre 3 tortas. A comilança tinha sido tanta que não deu,  pedi pra embrulhar a torta e levar 😉

E na saida, ainda tem essas gostosuras pra comprar.

dscn5061

 

Li no cardápio que também servem  café da manhã.

Valeu Kathia  !!! 

Ficou faltando o sanduiche de lomo do La Rambla 😉

Caminhar por essas ruas é um prazer ….

dscn50201

As flores nas calçadas, adoooro !

dscn49853

 dscn50192

Os colegas….

dscn50221

Calle Vicente López. A CarlaZ  morou aí do ladinho do hotel.

dscn50241

Passamos em frente ao Loi Suites. Entrei e fotografei. O rapaz da recepção super simpático, falando português.

dscn50251

Tarifas a partir de $250,00.

dscn50271

Passamos em frente ao Hotel Ayres de Recoleta. Não entrei.

dscn5030

dscn50312

Pausa para o café,  no Amora, onde a se sentará na semana que vem 😉

dscn50321

Embaixo da árvore.

dscn50341

Av. Alvear tem prédios lindos.

dscn50351

dscn50371 

A rua onde a Sylvia gosta de se hospedar, Arenales. Ohem que prédio lindo na  esq. com Av. Callao.

dscn50531

 dscn50381

 Foi engraçado 😉

Entrei em todos os cafés perguntando pelo sorvete Persicco, dica do Luciano e da Chris Pessoa, mas  não encontrei 😦

Mas, dei de cara com o café Bonafide que a Meilin deu a dica hoje nos comentários. Meilin tomei o expresso e senti firmeza quando pensei em você :mrgreen:

dscn50521

dscn50501

O café foi 5 pesos. Caminhei até a Santa Fé, à Livraria El  Ateneo, antigo teatro.

dscn5040

dscn5045

dscn5046

dscn50542

As árvores imensas na Av. Posadas.  Há sempre  fotógrafos clicando estas mega-árvores.

dscn5008-1

dscn5055

Calle Posadas com Montevideo.

 dscn50041

 Av. Quintana.

dscn5000

Não podiam faltar as lindas portarias.

dscn4963

 

Bonafide – Av. Callao, 1155 – tel: 4811 1686

Olhando vitrines

Uma distração creio que mais das mulheres do que de homens, mas também uma olhadinha  em vitrines bonitas faz um bem danado aos olhos né ?  Aqui com artigos em couro, bolsas, pastas, carteiras,  malas, botas, sapatos são de tirar o fôlego. O couro argentino é lindo e as peles idem.

Então cliquei algumas vitrines com coisas lindas, e apesar do reflexo 😦 acho que dá pra ter uma idéia 😉

dscn49831

Bueder’s – Posadas, 1321

dscn50101

 Maria Robirosa – Fabrizio Giannone Design – Posadas, 1379

dscn50153

dscn50172

 Fendi – Posadas esq. Rodriguez Peña.

dscn50181

 Perez Sanz, Posadas, 1477

dscn50121

dscn49931

dscn49971

dscn49991

Loja de artigos para Polo.

 Bom proveito, hehe

Os cafés

dscn49871

Os cafés para os argentinos são uma instituição como para os franceses. Não é só uma passada de 15 min  para tomar um expresso e um papinho rápido. São looongos bate-papos entre senhores, casais, senhoras, incluindo leitura de jornais, negócios, namoro, curtição, amigos,  enfim não sei como os proprietários  sobrevivem com uma clientela cativa por tantas horas nas mesmas cadeiras.

dscn4988

dscn4989

Trago pra vocês hoje o La Rambla que fica  na Calle Posadas, 1606 , esquina com Ayacucho, Recoleta.  Vocês podem dar uma olhada no mapa  que coloquei no post anterior .

Compartilho o café que vem com biscoitinhos e a água mineral sempre !

dscn4992

La Rambla – Calle Posadas, 1606 – esquina com Ayacucho

Conhecendo 2 hotéis na Recoleta

Andando pela Recoleta, conhecemos estes dois hotéis,  o Meliá na Posadas e o Ulises, na Ayacucho, em frente ao Alvear.  Ambos em excelente localização, ruas tranquilas e  perto de tudo.

O Meliá  é discreto por fora, mas requintado por dentro. Algumas fotos:

dscn49621

A fachada.

dscn49641

Entrando no hall e sala. 

dscn49653

dscn49661

 dscn49672

O restaurante.

dscn49682

dscn49691

O bar.

Meliá  Recoleta é um hotel boutique, se você puder cacifar a diária $220,00, além destas instalações bacanas, está em excelente localização, entre Callao e Ayacucho, uma quadra atrás do Alvear. O endereço, é Posadas, 1557.

Virando à esquerda, na Ayacucho e  subindo a rua em direção à Alvear, está o Ulises, pequeno hotel que visitei hoje, na verdade um flat.

dscn49823

dscn49702

dscn49731

O quarto tem também uma mesa com disponibilidade para espetar seu laptop. Tem wi-fi e não cobram por isto.

dscn49712

Uma mini-cozinha.

dscn4974

O banheiro.

dscn49781

O quarto do andar acima é um pouco maior, tem essa varandinha de frente para o Alvear e além da mesa para trabalhar,  há uma outra  redonda com cadeiras.

dscn49762

O hotel é pequeno, no térreo está o hall e uma pequena sala para café da manhã que está incluido na diária.

As tarifas são a partir de $140,00, mas pelo que entendi há negociação por e-mail reservas@ulisesrecoleta.com.ar  Esta semana estão com promoção – 15%.

Para ter uma idéia melhor de localização das ruas, aí está o mapa da Recoleta.

ba-recoleta11

Almoço em Palermo Soho ? De volta à Recoleta

Hoje, 2a feira, o programa incluia um almoço no restaurante recomendadíssimo pela querida Sylvia, o Social Paraiso, em Palermo Soho. Fomos de taxi,  passando pelos parques lindos de Palermo, com árvores floridas e belos gramados.

dscn49651

 Apesar do carro estar sem  ar condicionado, o motorista  alegou que o conserto seria 3.000 pesos porque as peças vem  do Brasil, ele  foi o tempo todo fazendo city tour.  Entrando em Palermo foi nos mostrando casas e prédios belíssimos dos ricaços argentinos e  casas de embaixadas.  Aliás, esse motorista era galanteador como só ele, uma  figura.

Mas, seguindo adiante, Palermo é bem empoeirada, desculpaê os fãs, incluindo o guru. É sem dúvida um bairro descolado, mas não tem a beleza das ruas arborizadas da Recoleta.

Bem, chegamos ao endereço, esquina de Honduras com Uriarte. Pagamos 16 pesos = 10 reais e  fomos caminhando à procura do no. 5182 da Honduras, o endereço do Social Paraiso. Mas, chegando lá com a ajuda de um senhor gentil,  ohhhh estava fechado,  puxa vida, esquecemos que hoje é 2a feira  😦  sabe como é em férias….  Lembrei de outro restaurante  recomendadíssimo pelo Riq, o La Cabrera  com carnes para as quais ele tece loas e  olhei no mapa era ali perto.

Caminhando pelos ruas vê-barezinhos e restaurantes que se instalaram em casas reformadas, mas  repito, as ruas não são bonitas como…. vocês já sabem. Chegamos ao La Cabrera, ihhhhh….também cerrado 😦   

Bem, levantamos o braço para o primeiro taxi e voltamos pra nossas bandas, e paramos no La Biela  , na Quintana, esquina com a praça, e era certo estar funcionando.

dscn4970

Depois da fome saciada, atravessamos a rua para um café do outro lado, no Amora com cadeiras e ombrelones charmosos.

dscn4971

 

dscn4967

dscn4968

Tomamos o café calmamente, vimos vários micro ônibus parando com dezenas de turistas descendo, e nós ali na base do slow travel  hehe Quanto pagamos pelo café ? 11 pesos ou 7 reais com direito à dulce de leche e bolinho.

Dali fomos à Farmacity, em frente à praça para comprar aqueles itens indispensáveis para mulheres, como sabonetes perfumados, esmalte para unhas fracas, dica da Célia, tia da CarlaIdaseVindas, e discos de algodão para remover maquillage, também dica das duas, não encontro no Rio nenhum dos dois. O esmalte l’Oreal que já tinha comprado da outra vez e é excelente paguei  21,90 pesos = 14 reais, no Rio está a 25 reais.

dscn4961

Os discos de algodão para remover maquillage, a base para fortalecer as unhas, ótima !! e esses sabonetes de glicerina perfumadíssimos, tudo da Farmacity.

dscn4972

 Bem, depois de suprir nosso lado mulherzinha,  sentamos no banco da praça de frente pra igrejinha, embaixo de uma árvore gigantesca, vendo a vida passar.

dscn4975

dscn4979

Perto de nós estava estacionado este micro carro de polícia, parecia de brinquedo 😉

Enquanto víamos os turistas pra cima pra baixo, resolvemos caminhar  pela Quintana e eis que esperando o sinal abrir para atravessar, olho a loja era uma sorveteria Un’Altra Volta que li recomendação da Constance  no post do Riq, 36 horas em Buenos Aires. Bem, não era possível perder esta chance de provar o tal sorvete. Entrei e pedi o de framboesa com parte de dulce de leche com brownie.

dscn4985

Aprovadíssimo o de framboesa, viu Constance !!!  Me remeteu à Sicília e seus fantásticos sorvetes. Páreo duro com o Freddo. 

dscn4986

Esta loja fica na esquina da Quintana com Ayacucho. Voltarei, pois quando saí, vi que tinha de chocolate amargo que amo !