No Marais, Camille e Les Philosophes

Nesta viagem, levei  uma listinha  de restaurantes, mas pena não deu para ir a todos. No Marais, estive em dois restôs que recomendo, o Camille e o Les Philosophes que  ficam numa área do Marais que equivale ao Baixo  Leblon, no Rio. As ruas Franc-Bourgeois, Vieille du Temple e Rosiers que nos fins de semana fervilham de gente jovem, e não tão jovens.

Camille

Na volta da viagem à Gand, chegando em casa, saí direto  para jantar com muita fome. Fui  à pé  rapidinho ao restô Camille, na Rue des Francs-Bourgeois. Mesmo sem reserva, entrei e consegui mesa,  mas, sugiro que se possível façam reserva, pois, um pouco depois as mesas estavam todas ocupadas.

É um restaurante tipicamente francês com  ambiente acolhedor, como podem ver pelas fotos, e serviço muito atencioso.

O serviço é tão rápido que na foto abaixo, só dá para ver o ectoplasma do garçon 😉

Logo, o menu é trazido a você, no quadro negro que colocam na cadeira à sua frente. Simpático não ? Letras grandes, dá para ler sem óculos 🙂

Como precisava comer algo “suculento”,  pois não tinha tido tempo para almoçar, pedi côte de boeuf grillée,  frites maison.

Côte de boeuf grillé

A carne estava no ponto certo, o sauce delicioso, e as batatas fritas que acompanhavam,  crocantes, perfeitas. Parece um prato simples, mas fazer bem feito,  não é.

Quase dá pra sentir o gosto, concordam  ? Ah, e  claro que tomei vinho nacional :mrgreen:

Camille

Para fechar, pedi o crème brûlée que adoro. Posso dizer que estava diiivino 😆

Crème brûlée

Crème brûlée

Comi muito bem e quanto paguei ?  37,30 euros.

No menu do restaurante há pratos tradiconais como: tartare, magret de canard, pot au feu, e muitas outras delícias. Boa carta de vinhos.

Ambiente agradável, preço acessivel e comida bem feita que é tudo que se quer entrando num restaurante.

Mapinha abaixo:

Camille

Camille

Camille   –   24, Rue des Frans-Bourgeois – Marais

tel:   (33) (01) 42 72 20 50

Metrô: St. Paul

Les Philosophes

Les Philosophes

No sábado, saí para almoçar com vontade de comer um confit de canard. Fui a outro restô no Marais, na Rue Vieille du Temple, o Les Philosophes que está sempre cheio.

Les Philosophes

Como disse, o restaurante estava cheio, mas rapidamente consegui mesa para sentar. Vale a pena ter paciência e esperar um pouquinho.

O restaurante fica na esquina da Rue Vieille du Temple com a Rue du Trésor, esta gracinha.

Rue du Trésor

Pra começar pedi algo apetitoso, foie gras com geléia de figo e torradas. Muuuito bom.

Foie gras, torradas e geléia de figo

Segui com o confit de canard (pato) que me deu vontade de morder a tela agora :mrgreen:  Vinho nacional, claro.

Confit de canard

Para sobremesa pedi a Tarte tatin, especialidade da casa, mas o rapaz da mesa ao lado ficou com a última fatia 😦

Então, sem pestanejar pedi …… vocês já sabem 😉

Crème brûlée

Crème brûlée

Quanto custou ?  44 euros


Apesar de cheio, o garçon servia com rapidez e boa vontade.Vi poucos turistas, uma mesa de italianos que não tem como disfarçar, falam alto e com as mãos 😉  Saí do restaurante tão satisfeita como na véspera do Camille.

Saindo do Les Philosophes segui pela Rue Vieille du Temple que borbulhava.

Rue Vieille du Temple

Muitas  lojas de roupas charmosas, perfumes, óculos, tudo o que nós mulheres adoramos 😉

Continuando na rue Vieille du Temple

    

Rue du Marché des Blancs Manteaux, outra gracinha.

As ruas no Marais são tão agradáveis para caminhar, construções históricas lindas, galerias, museus.

Rue Vieile du Temple

E… claro,  a Place des Vosges.

Lembrando que fui duas semanas antes do Natal, esta vitrine estava linda !

Rue Vieille du Temple

Les Philosophes – Rue Vieille du Temple, 30 – Marais

tel: (33) (01) 42 72 47 47

Aberto todos os dias de 9:00 a 01:15

Metrô: St. Paul ou Hotel de Ville

Les Philosophes

Advertisements

2a feira em Paris, indo ao Marais e à Place des Vosges

2a. feira costuma ser o dia mais sem graça da semana, concordam ? Mas, em Paris, aliás em viagens a passeio depois de alguns dias, até esquecemos do calendário.  A 2a. feira era nosso 2o dia na cidade, decidimos ir ao Marais, um dos bairros mais antigos de Paris.  Mas antes, demos uma passadinha no mercadinho que ficava no Boulevard Raspail para comprar um pacote de garrafinhas de água mineral. Pagamos 2,94 euros.  Não saio sem uma garrafinha na bolsa 😉  Vi  também um cremezinho básico para mãos, e voltamos para o hotel para deixar essas compritchas.

Mais tarde, fomos para o ponto do ônibus Vavin perto do hotel. Aliás, esta é uma dica,  usem e abusem dos ônibus que são um ótimo meio de transporte.  Com motoristas civilizados que freiam e trafegam sem solavancos, com linhas (clique para ver o mapa interativo das linhas de ônibus) cobrindo toda a cidade, é um ótimo passeio e barato, por 1,50 euros. Além disto, o degrau dos ônibus é na mesma altura do meio fio, o que facilita a entrada para todos, incluindo os carros de bebês. Aliás, é tão lógico, não sei porque no Brasil os degraus dos ônibus são fora deste padrão.

Enquanto esperávamos o ônibus na parada Vavin,  passou esta garota que como vocês podem ver,  ia bela e faceira usando o seu meio de transporte ;). Aliás, como as pessoas usam patins para se locomover. Além claro, de bicicletas e motos

como esta com capota.  A foto está ruim porque tirei de dentro do ônibus.

O Marais fica na rive droite, entre o 3o e 4o arrondissement. Pegamos o ônibus  (clique em Vavin  lá embaixo no mapa interativo para ver o trajeto)  até a parada Chatelet onde descemos

e fomos caminhando até às ruas estreitas do Marais.

As construções antigas têm sido restauradas.

Lojas super elegantes de roupa, galerias de arte, tudo de muito bom gosto.

E, finalmente

chegamos à  belíssima Place des Vosges , a mais antiga de Paris !! Única !  Sentamos na praça por um longo tempo admirando a beleza deste conjunto de prédios simétricos iluminados  pela luz suave do por do sol até anoitecer.

Assim como os parisienses que também são encantados com sua cidade e estavam sentados na praça para admirar essa beleza. A Mari esteve aí nestes dias como vocês podem ler no blog dela  Pelo Mundo.

Dali, demos alguns passos e entramos neste restaurante onde jantamos, o Ma Bourgogne que fica numa posição esplêndida, na esquina da Place des Vosges. O endereço do Ma Bourgogne é: Place des Vosges, 19- tel:  7844 64.  Não fizemos reserva e esperando um pouquinho conseguimos uma mesa. Fomos de salmon defumado, um soufflé, magnifique. Ao lado, uma mesa grande de franceses comendo steak tartare que é uma das especialidades da casa. Fechamos com o queridinho crême brulée.

Voltamos à noite com os monumentos iluminados, outra Paris.

 

Ma Bourgogne: Place des Vosges, 19 – tel:  7844 64

A série de posts da viagem de 12 dias a Paris que incluiu a ida à Diest:

13 dias flanando em Paris com uma chegadinha a Diest

2a. feira indo ao Marais e a Place des Vosges

Conhecendo Annick Goutal, agradecendo a N.S. da Medalha Milagrosa e dando uma passadinha na Grande Epicerie de Paris

Revisitando o Museu d’Orsay

Recebendo Renata

Indo a Diest em missao de familia